domingo, 17 Out , 2021
evidencia

Qual a importância do Brasil entrar na OCDE? Aumento no PIB em R$ 38 bilhões por ano!

há 4 meses

Em ano de tantas notícias difíceis, essa traz alento e leva nossos olhos para o futuro com esperança em dias melhores. O Brasil vem avançando consideravelmente à adesão na Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e isso afetará sua vida diretamente. Como?

Estudo realizado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) aponta que a entrada do Brasil na OCDE impulsionará o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro em R$ 38,15 bilhões por ano - através do comércio exterior - em geração de bens e serviços.  Essa “dinheirama” fica aqui, na economia interna, impactando diretamente a renda per capita (por habitante) em 0,4% todos os anos. Por si só, isto já seria ótimo: mais dinheiro na economia interna, mais renda, mais emprego, mais oportunidade de negócios! Mas não é só.

Além desses benefícios há outros como contribuir para o superávit primário, ampliar a captação de recursos estrangeiros e alavancar a participação brasileira nas cadeias globais de produtos e serviços. Uma ação macroeconômica que desencadeia ações microeconômicas vantajosas e benéficas, além da possível geração de melhoria no bem estar social prático.

Escrevendo esse texto, para levar essa boa notícia em tempos tortuosos, recordo da teoria do copo “meio cheio” ou “meio vazio”. Essa analogia nos leva a analisar nossa postura diante das adversidades, com uma visão negativa (copo meio vazio), ou positiva (copo meio cheio). Mas realmente não acho que essa analogia se resuma apenas a isso. Acredito que não devamos apenas nos ater em como vemos as coisas, mas sim agir. Quero dizer com isso que devemos encher o copo meio vazio, termos atitude. Mais que simplesmente nos contentar com a contemplação positiva do copo “meio cheio” devemos arregaçar as mangas, ser proativos e lutar para enchermos o copo. Assim como os técnicos no Governo estão trabalhando para incluir o Brasil na OCDE, devemos agir para o copo ficar o mais cheio possível.

Espero ter trazido uma notícia positiva, para enxergarmos o copo meio cheio, mas não só, também agirmos para que possamos encher ou até transportar o copo!

Fraterno abraço.


COLUNISTAS